top of page

Estudar no exterior atrai 455 mil estudantes brasileiros



Montreal é o destino favorito para intercâmbio no exterior.

O dia 11 de agosto é reservado, no Brasil, para comemorar o Dia Nacional do Estudante, uma data que celebra a importância do estudo na vida de uma pessoa. De acordo com a Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio (Belta), no ano passado (2022), foram 455 mil estudantes brasileiros que viajaram para fora do Brasil, em busca de novos conhecimentos.


A prática de viagens de cunho educativo é também conhecida no Brasil como turismo educacional, turismo de intercâmbio ou turismo científico. É direcionada a estudantes, a partir de 16 anos de idade, o que pode trazer inúmeros benefícios, tais como: conhecimento de outro idioma, proximidade com outra cultura, aprendizados que podem possibilitar inclusive um emprego.


Para quem tem interesse em estudar no exterior, o Ministério da Educação oferece um programa de intercâmbio chamado PinCade (Programa de Intercâmbio do Cade), que oferece a estudantes de graduação e pós-graduação de todo país a oportunidade de vivenciarem as atividades estudantis de outro país, por um período pré determinado em edital. Saiba mais no link: https://pincade.cade.gov.br/


Segundo a Associação Brasileira de Agências de Intercâmbio (Belta), a procura pelo destino Brasil por estudantes estrangeiros, para realizarem intercâmbio, se dá, principalmente, pelo interesse em aprender o nosso idioma. Segundo a Belta, 38% desses estudantes querem aprender a língua portuguesa, por ser considerada a quarta mais falada no mundo, com 260 milhões de pessoas falantes, representando 3,7% da população mundial, atrás apenas do mandarim, inglês e espanhol.


O Quacquarelli Symonds (QS), responsável pelos rankings do ensino superior – que são mais respeitados no mundo –, divulgou a lista com o nome de 100 cidades dos melhores destinos para se fazer intercâmbio estudantil. A cidade de Montreal, no Canadá, quebrou a hegemonia de quatro anos de Paris, passando a ser a melhor cidade para os intercambistas no mundo.


As cidades brasileiras São Paulo e Rio de Janeiro aparecem no ranking dos melhores lugares para intercâmbio, sendo São Paulo a 69ª melhor cidade do mundo para os estrangeiros com fins de estudos, e o Rio de Janeiro, a 94ª cidade. No exterior, os destinos mais procurados por serem acessíveis são: Dublin, capital da Irlanda; Malta, ao sul da Itália; e Toronto, Canadá.


Por Ascom, Sprint Dados



3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page