top of page

A relevância dos dados primários e secundários no turismo




Os dados primários, secundários e Big Data são de extrema importância para o setor de turismo, pois cada tipo de dado desempenha um papel específico na compreensão do cenário em geral e nas tomadas de decisões estratégicas para o setor.


Dados primários referem-se a informações coletadas diretamente de fontes originais por meio de pesquisas, entrevistas, observações ou questionários. São dados específicos e atualizados que fornecem insights diretos sobre os clientes, suas preferências e comportamentos no contexto do setor de turismo. Tais informações são cruciais para que as empresas e gestores entendam as necessidades dos turistas e possam personalizar suas ofertas de maneira mais efetiva, ajustando-se rapidamente às mudanças do mercado.


Já os dados secundários são informações coletadas e publicadas inicialmente por outras fontes, como órgãos governamentais, institutos de pesquisa e agências do setor de turismo. Esses dados são mais abrangentes e têm a vantagem de serem produzidos por fontes especializadas e bem estabelecidas. Eles podem incluir estatísticas, relatórios de mercado, informações demográficas e econômicas, entre outros. Os dados secundários são importantes para contextualizar as informações primárias, comparar tendências regionais com nacionais e internacionais, e fornecer uma visão mais ampla do mercado turístico.


Para ampliar essa visão do mercado turístico, surgiu a ALUMIA, plataforma de inteligência turística do Mato Grosso do Sul, desenvolvida pela SPRINT Dados com base em dados coletados pelo Observatório de Turismo do MS, por fontes oficiais e órgãos de estado, e ainda pelo Big Data.


O principal objetivo da ALUMIA é oferecer dados e informações aos empresários, gestores do setor de turismo e a quem mais possa interessar, apresentando informações quantitativas e qualitativas relacionadas aos recursos, atrativos e produtos turísticos do estado. A plataforma disponibiliza painéis dinâmicos e interativos que permitem analisar esses dados importantes ao setor, permitindo uma visão completa do cenário turístico do Mato Grosso do Sul. Com a combinação de dados primários – coletados diretamente dos turistas e do mercado local – e secundários (de fontes oficiais), a ALUMIA oferece uma perspectiva abrangente do mercado, dos clientes e das tendências, fornecendo ao setor turístico informações valiosas para tomadas de decisões estratégicas.


A incorporação do Big Data na ALUMIA permite que análises avançadas e insights mais profundos revelem padrões complexos e tendências ocultas. Isso possibilita otimizar a experiência do turista, personalizar ofertas, melhorar a infraestrutura e a competitividade do setor. Com a plataforma, os profissionais do turismo no Mato Grosso do Sul têm acesso a uma ferramenta poderosa que ilumina o caminho para o desenvolvimento sustentável e bem informado do setor, proporcionando uma visão 360° do cenário turístico, o que pode resultar no crescimento e aprimoramento da experiência de quem visita a região.



Por Ascom, SPRINT Dados

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page